Comunicação Interna

Aula 11 - Liderança e Gestão de Mudança (Programa Avançado em Comunicação Interna)

22, 24/NOV | Avançar

Aula 11 - Liderança e Gestão de Mudança (Programa Avançado em Comunicação Interna)

Instrutor: Fábio Betti

+PROGRAMAÇÃO

1) Introdução sobre a importância do tema

As áreas de comunicação organizacional foram criadas para colocar em ordem os fluxos comunicacionais com as partes interessadas, os chamados stakeholders, da empresa. E o icônico Portas abertas, programa lançado pela Rhodia no começo dos anos 1980 e imortalizado em livro em 1990, trouxe tanto sistematização quanto visibilidade à função, contribuindo para fortalecê-la não apenas naquela companhia, mas em muitas outras organizações que acabaram usando a cartilha desenvolvida por Walter Nori e equipe como inspiração para a criação de seus próprios planos de comunicação. Naquela época, na qual os meios de produção e disseminação de informação eram caros e escassos, o que cabia à área de comunicação de uma companhia? Além de organizar fluxos, ela era responsável por produzir e disseminar a informação sobre a empresa para seus diferentes públicos, o que lhe conferia uma função de hub, de centralização e intermediação da relação entre as fontes da informação e seus públicos receptores. 

No entanto, com o avanço das plataformas sociais digitais, a área de comunicação passou a perder em definitivo a exclusividade na produção e disseminação da informação, ao mesmo tempo em que ficou com uma imensa desvantagem na guerra da informação. Uma meia dúzia de profissionais zelosos na apuração e validação das informações versus centenas, milhares de pessoas que produzem e compartilham conteúdos relacionados à empresa quase que à velocidade da luz e, em muitas ocasiões, sem qualquer preocupação em checar a veracidade da informação. O resultado disso? Além da perda de exclusividade, a área perdeu também o poder de controlar o que se fala sobre a organização, chegando, na maior parte das vezes, depois que o estrago já foi feito. 

O que fez a área de comunicação organizacional ter sido criada, se fortalecer, crescer e se tornar estratégica não é em essência sua capacidade de produzir e disseminar informação, atuando como intermediadora entre a empresa e seus diferentes stakeholoders. Isso foi apenas o meio que ela encontrou para exercer seu papel mais essencial e de maior valor: o de articuladora, ou maestra, desses fluxos. E isso não é papel de um hub, mas de outra figura de nome complicado descrito pelos estudiosos de redes: netweaver, que é aquele que, literalmente, tece a rede, entendida como o conjunto de interações entre pessoas em um dado sistema.  Está na hora, portanto, de a área evoluir de um posicionamento de hub para o de netweaver, reconquistando seu espaço de função estratégica na organização no novo contexto de um mundo hiperconectado e onde todos são comunicadores.

 

2) Objetivos do curso

  • Entender que a função de Hub já não é o mais relevante para a área ser reconhecida como estratégica;
  • Se reconectar com sua identidade original de articuladora de fluxos de comunicação;
  • Aprender um novo modelo mental e uma nova metodologia para operar como uma função articuladora da transformação da organização.

 

3) Programa do curso (temas principais que serão abordados)

  • O contexto atual vivido pelas organizações e os impactos sobre a função de comunicação;
  • Diferenciação entre mudança, evolução e transformação;
  • Princípios para aceleração da transformação organizacional (ação adaptativa, pontos de acupuntura; convite ao sistema, ressignificação da crise);
  • Modelos, métodos e ferramentas para transformação de sistemas complexos;
  • Apresentação de Case e aplicação de caso prático.

 

4) Benefícios para os participantes

  • Fortalecimento do papel de comunicação como área estratégica, capaz de ressignificar a crise em oportunidades concretas de transformação e engajamento dos indivíduos, equipes e da organização;
  • Ampliação dos conhecimentos do profissional de comunicação para além da caixa de comunicação, tornando-o mais preparado para lidar com os desafios do mundo VUCA (sigla para Volatil, Uncertain, Complex e Ambiguos)

 

5) A metodologia aplicada

O programa irá alternar aula expositiva com dinâmicas de grupo e estudo de casos, a partir das seguintes fontes de inspiração: design thinking, utilizado para aceleração da inovação, e metodologias de construcionismo social e transformação de sistemas complexos como STEM (escuta profunda), Teoria U (Otto Scharmer), Diálogos Generativos (Dora Schnitman), Ciclos de Ações Adaptativas (Glenda Eoyang) e Acupuntura Organizacional (Corall). 

 

Bibliografia recomendada:

 

INSCREVA-SE >

+INSTRUTOR

Fábio Betti

Fabio Betti é sócio da Corall e consultor especializado em Comunicação de Liderança, Cultura de Diálogo e facilitação de processos de Inovação e Transformação Cultural.Formado em Jornalismo pela PUC-SP, pós-graduadoem Comunicação Empresarial pela ESPM-SP e mestre em Biologia-Cultural pela Universidad Mayor de Santiago do Chile, possui mais de 25 anos de experiência na área de comunicação organizacional, tendo atuado como executivo nas empresas Johnson & Johnson e Dow Química e como um dos sócios e diretores da agência Novacia. Professor das disciplinas Pensamento Complexo e Sistêmico e Gestão de Mudança do MBA em Business Innovation da FIAP e de Comunicação de Liderança pela Fundação Dom Cabral, Fábio é co-autor do livro “Ensaios sobre Comunicação com Empregados”, lançado em 2015 pela Fundação Cásper Líbero, e ”Diálogos com CEOs, Conversas que Transformam”, lançado em 2017 pela Polen Editorial, além de atuar como colunista fixo no blog Gestão Fora da Caixa do portal da Exame.

+INFORMAÇÕES ÚTEIS

 As informações abaixo são referentes somente a cursos agendados na Aberje em São Paulo.

Aberje
Programas Educacionais | Eventos | Relacionamento com Associados
Av. Amália de Noronha, 151 - 6º andar

 

Ponto de Táxi Amália
Rua Amália de Noronha, 430 
Telefone: 3673-0346

 

Hotéis próximos
Comfort Suites Oscar Freire
Endereço: R. Oscar Freire, 1948 - Pinheiros, São Paulo - SP, 05409-011
Telefone: (11) 2137-4700

*Participantes de cursos e eventos Aberje têm desconto no Comfort Suites Unidade Oscar Freire.

Ficha de inscrição